Vícios | Transtornos Psiquiátricos

Abuso de substância – Como é feito o diagnóstico

Conheça os critérios para o diagnóstico do transtorno de abuso de substância.

Abuso de Substância – Como é Feito o Diagnóstico

A 5ª edição do manual diagnóstico e estatístico de transtornos mentais, chamada de DSM-5 é uma publicação usada por psicólogos e psiquiatras de todo o mundo que compila os nomes, sintomas e critérios de diagnóstico de todos os transtornos mentais conhecidos, inclusive vícios.

Os critérios do DSM-5 para abuso de substância são baseados em décadas de pesquisas e análises clínicas. Saiba o que é exatamente o abuso de substâncias e conheça quais os critérios usados.

O que é abuso de substâncias?

O DSM-5 identifica 10 classes de drogas relacionadas ao abuso de substâncias:

  1. Álcool;
  2. Cafeína;
  3. Cannabis;
  4. Alucinógenos (como o LSD);
  5. Inalantes;
  6. Opioides;
  7. Sedativos, soníferos ou ansiolíticos;
  8. Estimulantes (como cocaína e anfetaminas);
  9. Tabaco;
  10. Outras substâncias e drogas desconhecidas.

Dessa forma, apesar de 9 grupos de psicoativos serem associados ao abuso de substâncias, essa condição também pode ser provocada por substâncias ainda não catalogadas.

Os problemas relacionados ao abuso de substância têm tudo a ver com a ativação do sistema de recompensa do cérebro. A sensação de alívio e prazer que a pessoa sente após o uso de drogas pode ser tão profunda que ela ignora os demais aspectos da vida em favor do consumo da substância.

O DSM-5 reconhece que nem todas as pessoas são igualmente vulneráveis ao desenvolvimento do abuso de substâncias. Alguns indivíduos têm menos autocontrole e tendem a desenvolver problemas com mais facilidade quando são expostos a drogas.

Existem dois grupos de transtornos relacionados ao abuso de substâncias:

Transtornos de uso de substâncias – Se tratam de sintomas provocados por uma substância que você consome apesar dos problemas que ela provoca;

Transtornos induzidos por substâncias – Inclui intoxicação, abstinência e outras condições induzidas pelo uso de psicoativos.

Critérios para o abuso de substâncias

Existem 11 critérios usados para identificar um caso de abuso de substância:

  • Consumir a substância em quantidades - ou por um período - maior do que o necessário;
  • Querer diminuir ou zerar o consumo, mas não conseguir;
  • Passar muito tempo conseguindo, usando ou se recuperando do uso da substância;
  • Desejo e impulsos de usar a substância;
  • Não conseguir fazer o que deveria no trabalho, na escola ou em casa por causa do consumo;
  • Continuar a usar mesmo quando causa danos aos relacionamentos;
  • Abrir mão de importantes atividades sociais, ocupacionais ou recreacionais por causa do uso da substância;
  • Usar a substância repetidamente, mesmo quando ela causa riscos;
  • Continuar o uso mesmo tendo ciência de possíveis problemas físicos ou psicológicos causados ou intensificados pelo uso;
  • Precisar de doses cada vez maiores para experimentar os mesmos efeitos;
  • Surgimento de sintomas de abstinência, que são aliviados ao usar a substância.

Níveis de severidade do abuso de substância

O DSM-5 permite que os profissionais da saúde determinem o quão sério é um determinado caso de abuso de substâncias de acordo com os sintomas apresentados acima, sendo que:

  • 2 ou 3 sintomas indicam um caso leve;
  • 4 ou 5 sintomas indicam um caso moderado;
  • 6 ou mais sintomas indicam um caso severo;

Transtornos mentais induzidos por substâncias/medicação

Transtornos mentais induzidos por substâncias são problemas psicológicos que aparecem em pessoas que não tinham condições mentais antes de consumirem substâncias. Entre esses problemas pode-se citar:

  • Transtorno psicótico induzido por substância;
  • Transtorno bipolar induzido por substância;
  • Transtornos de humor induzidos por substância;
  • Transtornos de ansiedade induzidos por substâncias;
  • Transtorno obsessivo compulsivo induzido por substância;
  • Transtornos do sono induzidos por substância;
  • Disfunções sexuais induzidas por substância;
  • Delírios induzidos por substância;
  • Transtornos neurocognitivos induzidos por substância.

Intoxicação

Intoxicação por substâncias, um grupo entre os transtornos induzidos por substâncias, corresponde aos efeitos que a pessoa sente quando está sob o efeito de drogas. Transtornos de intoxicação por substância incluem:

  • Intoxicação com cannabis;
  • Intoxicação com cocaína;
  • Intoxicação com anfetaminas;
  • Intoxicação com heroína;
  • Intoxicação com ácido;
  • Delírios por intoxicação por substância.

Conclusão

Se você (ou uma pessoa próxima) identificou em si mesmo alguns dos sintomas apresentados aqui, converse com seu médico assim que possível. O abuso de substâncias destrói relacionamentos, objetivos e principalmente a saúde.

João Vitor Gomes dos Santos
João Vitor Gomes dos Santos

Estudante de Engenharia Mecânica, através da convivência na universidade se conscientizou da importância do bem-estar mental. Para promover e acessibilizar os cuidados com a mente, cofundou a PsyMeet. Convencido da importância da saúde mental para uma vida feliz, está sempre lendo, assistindo e ouvindo sobre o tema. Instagram @dosantosjv

Leia também:

Abstinência do Uso de Drogas - Sintomas e como Lidar

14.03.2022 | João Vitor Santos

Abstinência do Uso de Drogas - Sintomas e como Lidar

A abstinência de drogas geralmente não é fatal, mas tornar-se viciado em drogas te garante sintomas de abstinência muito desconfortáveis. É importante saber e se preparar ...

Vício em Cocaína – Entenda os Efeitos Sobre a Saúde

29.11.2021 | João Vitor Santos

Vício em Cocaína – Entenda os Efeitos Sobre a Saúde

O vício em cocaína perturba todos os aspectos da vida de uma pessoa. Saiba como essa substância afeta a saúde mental e conheça as principais opções de tratamento.

Os Impactos do Vício em Pornografia Sobre a Mente

11.11.2021 | João Vitor Santos

Os Impactos do Vício em Pornografia Sobre a Mente

Devido as imposições de isolamento social, o consumo de pornografia cresceu ainda mais durante a pandemia. Entenda os efeitos colaterais desse hábito.

logo do whatsapp

Responsável técnico

Alysson E. de C. Aquino

CRP: 08/20173

Atenção: Este site não oferece tratamento ou aconselhamento imediato para pessoas em crise suicida. Em caso de crise, ligue para 188 (CVV) ou acesse o site www.cvv.org.br. Em caso de emergência, procure atendimento em um hospital mais próximo.